Domingo, 12 de Julho de 2020

Policial

Publicada em 17/01/17 às 07:33h - 492 visualizações
Dessa vez em Garanhuns, mais uma delegacia é arrombada em Pernambuco

O Povo com a Notícia


O Sindicato dos Policias Civis de Pernambuco vem a público denunciar mais uma situação vexatória para a segurança publica de Pernambuco. Na manhã desta segunda-feira dia (16), ao chegarem à primeira delegacia de Garanhuns, Policias Civis perceberam que a unidade havia sido arrombada e que de lá havia sido subtraídas uma metralhadora e uma espingarda de calibre 12.

O arrombamento de delegacias é algo inaceitável e que vem se repetindo em nosso estado, o que revela uma flagrante crise da nossa "segurança publica". O SINPOL vem denunciando há cerca de dois anos que Policiais Civis estão submetidos a jornadas de trabalho desumanas, para cobrir a defasagem de efetivo, e expostos a situações de risco iminente, quando muitas vezes, sozinhos, tiram plantões em delegacias repletas de armamentos, drogas e inquéritos de crimes como homicídios, roubos, estupros e outros.

A política de deixar delegacias sem policiais permanentes facilita e incentiva esse tipo de ação por parte dos bandidos. Eles conhecem a vulnerabilidade das unidades e se aproveitam dela. Claramente essa situação só começará a se resolver com o reforço do efetivo da Polícia Civil de Pernambuco. O Governo do Estado tem a oportunidade de convocar os aprovados no último concurso da instituição. Enquanto isso não for feito, estaremos todos vulneráveis, inclusive as delegacias e os policiais.



ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

Deixe seu comentário!

Nome
Email
Comentário


Insira os caracteres no campo abaixo:


087 9 9805 9627

Redes Sociais


Enquete


Nenhum registro encontrado


Publicidade Lateral
Estatísticas
Visitas: 3803981 Usuários Online: 97


ANUNCIAD 3
Fan Page

Parceiros


Sertão Noticias.com
Copyright (c) 2020 - Sertão Notícias - Todos os direitos reservados